facebook youtube twitter

A Ambiente

Quercus exige inspeção urgente às instalações do complexo industrial da empresa Carmona S.A.

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

 

quercus

Carmona S.A. – Arrastar de uma Situação Insustentável

Quercus exige inspeção urgente às instalações do complexo industrial da empresa Carmona – Sociedade de Limpeza e Tratamento de Combustíveis, S.A., situada no Monte dos Bijagós – Jardia, Brejos de Azeitão, Setúbal

As instalações industriais da empresa Carmona, S.A situadas no Monte dos Bijagós – Brejos de Azeitão, tem um longo historial de reclamações e queixas, maioritariamente relacionadas com os maus cheiros intensos e frequentes, que provocam grande incómodo nos moradores.

As populações estão assim a ser afetadas na sua qualidade de vida e de saúde e estão a ser privadas do seu direito constitucional de poderem viver num ambiente sadio.

Esta situação é recorrente e tem sido alvo de várias denúncias por parte de populares e de colectivos, como a Associação Respirar.

No entender da Quercus, o problema da emissão de odores não deve ser colocado apenas ao nível das fontes fixas de emissões atmosféricas pontuais ou esporádicas, mas também ao nível das fontes difusas, mais concretamente as deficientes condições de armazenamento (sem qualquer tipo de proteção/contenção), condições essas que não passam do simples empilhamento de recipientes plásticos cheios de resíduos em pleno céu-aberto, sob uma superfície consolidada.

Para a Quercus, é facilmente percetível que as melhores técnicas disponíveis não são uma realidade nas instalações industriais da Carmona S.A.. Poderão até ter sido as melhores técnicas disponíveis no ano de 1986 (ano de instalação), mas não são com toda a certeza nos dias de hoje.

Por entender que as instalações da Carmona S.A. não tem as condições mínimas para o desenvolvimento da atividade, e por considerar que as populações afetadas estão a ser seriamente prejudicadas, a Quercus exige que os organismos competentes do Ministério do Ambiente desenvolvam com urgência todos os esforços e todas as diligências para a resolução imediata do problema e que realizem uma inspeção integral às instalações da Carmona S.A..

A continuação da atividade nas atuais instalações, com as atuais condições, é para a Quercus uma séria ameaça para o ambiente e para as populações mais diretamente expostas, pelo que exige uma ação concreta por parte das entidades responsáveis pelo cumprimentos das condições ambientais.

Setúbal, 26 de Outubro de 2017

A Direção Nacional da Quercus - Associação Nacional de Conservação da Natureza

 

Fonte: Quercus

Email:

geral@distritonline.pt / publicidade@distritonline.pt

Telefone:

916 797 042

Google Bottom